Descrição do Projeto

Rastreie seu Pescado

Digite abaixo o código do seu pescado para saber mais detalhes sobre sua procedência.

Como consigo este código?

Aqui Pescamos

 Imagem Nome Vulgar Características

DCIM/100MEDIA/DJI_0292.JPG

DCIM/100MEDIA/DJI_0292.JPG

 Ostra do Mangue  Crassostrea gasar

Onde encontrar estes pescados para um consumo consciente?

CONHEÇA OS RESTAURANTES E MERCADOS

Sobre Nós

AQUAVILA – Associação dos Aquicultores da Vila Lauro Sodré.

A AQUAVILA – Associação dos Aquicultores de Vila Lauro Sodré no Município de Curuçá-PA, fundada em 14 de junho de 2006, formada por pescadores, agricultores e marisqueiros que se organizaram buscando oportunidades de ocupação e renda.

Os moradores Vila de Lauro Sodré localizada no município de Curuçá-PA, estão cadastrados como beneficiários/usuários da Reserva Extrativista Mãe Grande de Curuçá.

Onde Estamos

O atual município de Curuçá está situado na zona fisiográfica do Salgado.
Sabe-se que seus fundamentos históricos foram lançados no século XVIII, quando à margem do Rio Curuçá, os jesuítas fundaram a fazenda do mesmo nome, com importante feitoria de pesca onde, mais tarde, formou-se o povoado sob o orago de Nossa Senhora do Rosário.
Em 1757, no governo de Francisco Xavier de Mendonça Furtado, logo após a expulsão daqueles religiosos do domínio português, a localidade adquiriu categoria de Vila com o nome de Vila Nova D’El-Rei. Entretanto, no período da Revolução da Cabanagem, em 1833, foi extinta, ficando o seu território incorporado ao do Município de Vigia, donde restabeleceu-se, em 1850, com a primitiva denominação.
Em 1895, após ter aderido à República, a Vila de Curuçá obteve foros de cidade. Porém, a partir de 1930, sofreu outras supressões, até que, em 1933, emancipou-se político-administrativamente, em definitivo, sendo desmembrado do território de Castanhal.

A Reserva Extrativista Mãe Grande de Curuçá foi criada através de decreto presidencial em 13 de dezembro de 2002 e possui uma área de 37.062 ha.